golpes mais comuns do WhatsApp
Aplicativos

Quais os golpes mais comuns do WhatsApp?

Você está ciente de quais são os golpes mais comuns do WhatsApp? De fato, eles são mesmo mais comuns do que você imagina.

De fato, ataques e fraudes on-line continuam a aumentar, especialmente o roubo de identidade. Em grande parte, isso se deve à maior presença de usuários em mídias virtuais, onde a identidade de uma pessoa se torna um perfil fácil de duplicar.

Soma-se a isso a falta de conscientização que o usuário médio tem sobre a quantidade de informações pessoais que são públicas na Internet e os riscos que isso acarreta.

Desde 2020, os ataques envolvendo roubo de identidade aumentaram excessivamente, em particular através do WhatsApp com as famosas “histórias” pedindo dinheiro.

Pra te dar as informações certas sobre quais os golpes mais comuns do WhatsApp, o Inovaweb preparou esse conteúdo, então vamos ao que interessa!

Quais os golpes mais comuns do WhatsApp? 

Mensagens estranhas que chegam às redes sociais devem ser um sinal de alerta a ter em mente. A pessoa que escreve pode não ser a que pensamos, mas um cibercriminoso que se apropriou do perfil e se prepara para aplicar um golpe.

Aqui estão os quatro golpes mais comuns do WhatsApp:

1. Código de autenticação

É uma campanha de phishing que chega através do WhatsApp e busca sequestrar contas. 

Tudo começa com uma mensagem impressionante através da qual uma amiga (vítima do engano também) diz que, por engano, um código de verificação de seis dígitos (que supostamente não foi endereçado a ela) foi enviado para o seu telefone e solicita que a mensagem seja encaminhada com o código.

Aqui está o problema de segurança ao qual a vítima está exposta, já que os criminosos por trás desse golpe, usam o código de verificação para registrar – e abrir – sua conta do WhatsApp em outro dispositivo.

Então, assim que a mensagem for encaminhada com o código de verificação de seis dígitos, o cibercriminoso por trás desse golpe gravará o WhatsApp da vítima em outro telefone com esse código.

Enquanto isso, a vítima só verá em sua tela uma mensagem através da qual é relatado que perdeu o acesso à sua conta.

2. Pedido de dinheiro

Tudo começa recebendo uma mensagem via WhatsApp de um número desconhecido se passando por uma pessoa próxima. Embora o número de telefone seja diferente, o perfil é uma cópia do legítimo, incluindo fotografia e nome da conta. Além disso, eles podem usar um apelido para dar mais veracidade à comunicação.

Depois de ter uma conversa mínima, uma mensagem incomum chega: meu limite do banco excedeu e eu preciso fazer uma transferência. Você pode me ajudar?

Com o dinheiro já transferido, o cibercriminoso promete à pessoa que o valor será devolvido no dia seguinte, mas ele bloqueará imediatamente o usuário e manterá o dinheiro.

3. Links para download de aplicativos

Ele chega através de um e-mail que simula um backup de conversas e histórico de chamadas. Esta mensagem inclui um link de download através do WhatsApp que, quando clicado, libera um vírus no dispositivo. O resultado é uma espécie de “malware” que rouba todos os dados pessoais.

Se o usuário não executou o arquivo, é muito possível que o dispositivo não tenha sido “infectado”. Nesse caso, o próximo passo é excluir o arquivo malicioso que foi salvo na pasta de download e também excluir o e-mail.

Como evitar golpes através do WhatsApp?

Aqui estão algumas dicas para evitar os golpes mais comuns do WhatsApp:

  • Se você receber uma mensagem pedindo dinheiro, você deve primeiro verificar se o número está correto. Se de repente alguém tem um novo número e pede dinheiro, isso já é suspeito.
  • Espere um momento e verifique o tom e o estilo de comunicação da mensagem. Se for diferente do habitual, você tem que estar alerta.
  • Tente se comunicar com a pessoa que está pedindo o dinheiro.
  • Evite a pressão do golpista e fique calmo.
  • Nunca envie um código de verificação.
  • Configure a “autenticação em duas etapas” no WhatsApp. É outra etapa de segurança, já que, se o aplicativo estiver instalado em um novo dispositivo, o código de seis dígitos que foi definido será solicitado, bem como a verificação correspondente. E esses dados só são conhecidos pelo usuário real.

Gostou de saber mais sobre quais os golpes mais comuns do WhatsApp? Então não deixe de acompanhar os demais artigos do blog, tenho muitas outras novidades para você!

Fonte da matéria: whatsgb.com.brgbwhats.club

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.